image_pdfimage_print

A Starbucks planeja abrir mais de 5 mil lojas na China até 2021. O processo de expansão pelo imenso mercado chinês já está em andamento. A rede passou de 800 unidades para 3.200 em apenas cinco anos. Além do programa de expansão de lojas físicas, a marca está colocando em prática novas estratégias para o mundo digital. Este mês, a Starbucks vai abrir seus recursos de pedidos e pagamentos pelo celular para clientes que não fazem parte do programa de fidelidade. Além disso, vai iniciar campanhas dentro e fora de lojas com foco no relacionamento digital personalizado. As informações são do portal Chain Store Age.

Starbucks Reserve

A Starbucks criou uma nova marca, a Starbucks Reserve, com a primeira loja inaugurada na sede da empresa, em Seattle. A ideia é criar uma experiência premium, com cafés sofisticados e produtos italianos da Princi, a padaria artesanal sobre a qual a Starbucks tem participação acionária. Cerca de mil lojas da Reserve devem ser abertas pela Starbucks nos próximos anos e a promessa é que, em um prazo mais longo, 20% do total de lojas sejam Reserve.

Além disso, a empresa vai abrir o Reserve Roasteries, seu conceito experimental, em Milão e Nova York no final deste ano, e em Tóquio e Chicago em 2019.

Por: Raphael Coraccini  – NOVAREJO